Museu Zer0 Tavira, Portugal

Cliente Instituto Lusíada de Cultura
Local Tavira, Algarve
Projecto 2014-2015
Construção Conclusão prevista em 2016
Área de Construção 2.500m2

1º Classificado em concurso público

A proposta conceptual para o Museu Zer0 teve como premissa a criação de um centro para artes digitais em Santa Catarina da Fonte do Bispo, uma área de carácter maioritariamente agrícola, escassamente urbanizada e ocupada. O programa previa a reabilitação de um antigo edifício industrial e silos de armazenamento de cereais, que procurámos preservar como uma referência visual, com toda a construção necessária ao funcionamento do novo museu meramente sublinhando a sua presença volumétrica.

O programa procura a criação de um novo foco de interesse cultural, visibilidade e atracção, assente no conceito de sustentabilidade sem necessidade de amplos investimentos em equipamentos ou instalações permanentes. Deste modo, a arquitectura procura também a maior viabilidade e economia de meios possível. Quase toda a construção existente é preservada, incluindo a maquinaria desactivada, indispensável à compreensão da história e utilizações prévias do local. Sempre que se mostra necessário compartimentar o espaço existente, são criadas caixas translúcidas e facilmente desmontáveis, iluminando o ambiente e mantendo a intervenção clara e efémera, enquanto o restante espaço permanece em bruto.